Faltam 25 dias para acabar meus 25 anos

Faltam 25 dias para acabar meus 25 anos

Quando estava prestes a completar meus 25 anos entrei em pânico, literalmente. E defini uma lição para o meu ¼ de século, descobrir quem é a Mariana. Minha cabeça deu nó, não sabia o que realmente gostava, gostos, sabores, cores, se tinha ou não medo de altura, quais eram meus sonhos, desejos e antipatias.

E o desafio foi lançado, estava com muitos e muitos planos na cabeça: “Uau, vou me descobrir”, queria desbravar o mundo, principalmente o meu mundo. Sem contar, que ia fazer 25 no dia 25, e meu numero da sorte é 5. Tava tudo perfeito. É agora!

E na véspera do meu aniversário, na verdade um pouco antes, recebi o melhor presente que a vida poderia me dar: depressão. Isso mesmo, entrei em depressão. Toda aquela euforia louca de viver meus 25 anos, foram por água abaixo. Meus planos, projetos, vontades e sonhos foi tudo pro ralo.

Só queria fugir de todo mundo, dormir o dia inteiro e que aquela dor terrível passasse. Comecei a frequentar a psicóloga, psiquiatra, tomar ansiolíticos e nada mais fazia sentido na minha vida. Meus médicos falavam: “você vai ver o quanto sua vida vai ressignificar por causa da depressão”, e eu pensava: “ressignificar? eu só quero sumir desse mundo, minha gente”.

Mas sabe quando falam que você precisa ir no fundo do poço, pra ver a luz. É piegas, mas é real. E foi assim que eu tive o melhor presente de todos aos meus 25 anos. Precisei desconstruir 9.125 dias da minha vidinha. E foi lindo!

Há um ano eu saia de casa chorando pra ir no trabalho, achava todo mundo chato, não tinha saco pra ninguém, quase não saia de casa, viajei para lugares maravilhosos e só chorava e queria vir embora, terminei um “casamento dos sonhos” e tudo perdeu a graça.

Agora, faltam 25 dias para entrar no meu novo outono. E depois do ano mais trash da minha vida, descobri quem é a Mariana, aliás continuo nessa incrível e maravilhosa descoberta. Já (des)construi muita coisa em 365 dias, já não fico tanto em dúvida do que gosto e não gosto, tenho sonhos só meus, e o melhor de tudo, tá TUDO IGUAL há um ano, mas tá tudo tão colorido, alegre e simpático.

Na verdade, tenho certeza (quase) absoluta que vou morrer sem saber exatamente quem sou, mas só de respeitar o que sinto já é suficiente (obrigada, Thais). Minha busca continua e se não fosse minha depressão muita coisa boa e ruim não ia ter acontecido.

Pode vir 26, tenho muitos planos pra nós!



5 thoughts on “Faltam 25 dias para acabar meus 25 anos”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


%d blogueiros gostam disto: